Tenente da PM é atropelado ao tentar efetuar prisão, acusado é morto em confronto com a PM

Um tenente da Polícia Militar foi atropelado por um carro na manhã desta terça-feira (12), no bairro Planalto Verde.

O oficial foi até a rua Luis Guilherme Block Berribili em busca de um foragido da Justiça, momento que encontrou o suspeito na frente de uma casa.

Ao perceber a presença da PM, o acusado fugiu e o tenente foi em sua captura.

Um motorista de um Gol viu o policial correndo atrás do suspeito e atropelou o PM que foi arremessado embaixo de um Fusca.

O oficial sofreu várias lesões, principalmente no rosto. Ele foi atendido inicialmente por uma Unidade de Suporte Básico (USB) do Samu e depois encaminhado pelo suporte avançado até a Santa Casa devido a gravidade dos ferimentos.

O motorista do Gol de nome Juarez empreendeu fuga e colidiu contra a proteção metálica de uma obra na rua Capitão Riyoichi Ueno, fugindo a pé.

Juarez é cunhado do vulgo “Índio” que estaria sendo procurado pela Justiça e foi perseguido pelo tenente Guerreiro.

Segundo informações, Juarez ao perceber que o cunhado estava sendo perseguido pelo tenente o atropelou com um Gol.

Policiais cercaram o bairro e na avenida Júlio Francisco uma equipe se deparou com Juarez nos fundos de uma casa. Ele estava armado com um revólver calibre 38 e atirou contra os PMs. No revide acabou baleado e morto.

Policiais da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) compareceram no local. 

(São Carlos Agora)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *