“Ir ao jogo é direito meu” diz Covas após críticas por ter ido a final da libertadores no Maracanã

O Prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDSB), rebateu na tarde deste domingo (31), as críticas que recebeu por ter ido ao estádio Maracanã assistir a final da Copa Libertadores da América, confronto entre seu time do coração, o Santos e a equipe do Palmeiras.

Covas diz que respeitou todas as normas de segurança determinadas pelas autoridades sanitárias do Rio de Janeiro e que os dias a mais de licença não são remunerados.

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, diz que a “lacração da internet pegou pesado” com ele por ter ido ao Maracanã assistir à final da Libertadores entre Santos e Palmeiras enquanto a cidade que administra está na fase vermelha do Plano de flexibilização.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *