Alunos da Escola Julio Mendes visitam Centro de Educação Ambiental

Os alunos da Escola Municipal “Julio Benedicto Mendes” visitaram na última quinta-feira (14), a Usina Santa Cruz, na cidade de Américo Brasiliense.

A visita ao Centro de Educação Ambiental “Antonio Pavan” fez parte de um programa educacional, em parceria com a ABAG/RP (Associação Brasileira do Agronegócio de Ribeirão Preto), visando conhecimento dos envolvidos e maior interação com o meio ambiente.

Segundo o diretor da Unidade de Ensino, Alexandre Gaspar, os docentes ministraram aulas sobre o tema e a visita foi algo marcante na vida dos alunos, já que a maioria não teria a oportunidade de realizá-la se não fosse através da escola. “Os professores desenvolveram de forma brilhante a questão ambiental com os discentes, e para contextualizar o que aprenderam em sala de aula, nada melhor do que vivenciar na prática. A visita complementou e enriqueceu as aulas que tiveram sobre o tema. Além de adquirir novos conhecimentos, os alunos tiveram a oportunidade de ter uma maior interação com o meio ambiente na trilha interpretativa da Área de Preservação Permanente, o que permitiu contato direto com a fauna e a flora local. Além disso, eles assistiram a uma palestra sobre conscientização ambiental, utilização de recursos naturais, produção de energia, tratamento de água e esgoto, efeito estufa, ecossistema, entre outros”, relatou Gaspar.

As professoras, do 4º ano C e 4º ano D, participaram do Programa Educacional Agronegócio na Escola. Sendo assim, receberam no mês de abril o material pedagógico que foi trabalhado com os alunos durante o 2º e 3º bimestre. Além disso, os alunos estão participando de um concurso, onde elaboraram uma redação, frases e desenhos sobre o tema meio ambiente.
Para as professoras Daniela Graziela e Cristina Escudero, a oportunidade de vivenciar na prática o que aprenderam em sala de aula é fundamental para os alunos. “Trabalhamos nessa visita a importância de preservar o meio ambiente e conceitos como o pertencimento, onde mostramos que o que pertence a um, pertence a todos em relação ao público, como o parque, e por isso não podemos depredar equipamentos, jogar lixo na rua e ter cuidado com a natureza”, disse Daniela.

“Além do contato com o verde, ensinamos sobre a natureza, os animais e a importância de cuidar”, conta a professora Cristina, ressaltando que o trabalho com os alunos foi realizado por meio de leituras e vídeos.

ABAG

A Associação Brasileira do Agronegócio (ABAG) foi criada em 10 de março de 1993 e almeja aumentar sua visibilidade, projetando maior exposição à medida que o reconhecimento das cadeias produtivas dissemina nos quatro cantos do país. A contribuição da ABAG tem sido destacar junto ao governo, iniciativa privada, entidades de classes e universidades a importância do trabalho de gestão e gerenciamento de todo o sistema agroindustrial e a implantação de medidas que o fortaleçam, visando assim o equilíbrio nas cadeias produtivas do agronegócio, de modo a valorizá-las, ressaltando sua fundamental importância para o desenvolvimento sustentado do Brasil.
Já a Usina Santa Cruz foi fundada em 1945 e está localizada no município de Américo Brasiliense (SP), na região de Araraquara. A unidade possui autossuficiência em matéria-prima, com um índice superior a 90% de cana própria e tem capacidade de moagem de mais de 4 milhões de toneladas de cana. É uma das pioneiras e referência em implementação de Política de Sustentabilidade, possuindo certificação ISO 9001, ISO 14001 e Greenergy em seus processos. Ela também é certificada pela Bonsucro, e conta com aproximadamente três mil colaboradores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *